O que eu ando a ver #39

ATP World Tour 500 – Rio de Janeiro

Acabou-se o sonho para o Português. Cumpriu-se o ditado que diz que à 3ª é de vez. Mas para o lado espanhol. Depois de eliminar Marcel Granollers e Albert Ramos nas duas rondas anteriores, como era previsível, João Sousa ainda não tem andamento para o lote dos melhores do mundo e cedeu ante Rafael Nadal. O português foi presa fácil para o #1 do mundo. Parciais de 6-1 e 6-0. No 2º set, fica como o ponto caricato do jogo aquele em que o tenista português com tudo para aplicar um smash na rede ao espanhol (jogavam-se as vantagens do 5º jogo de serviço com o espanhol em vantagem) conseguiu executar o gesto técnico mas deixou a raquete fugir das mãos e embater na rede. Como mandam as regras aplicáveis para este caso, o ponto foi para o espanhol e os dois não se coibiram de rir da situação.

João Sousa conseguiu amealhar 125 pontos para o ranking ATP (garantem-lhe para já a classificação virtual; quando a classificação for actualizada na segunda-feira, o português poderá subir ou descer mais lugares, dependo dos resultados que alguns tenistas fizerem nos 2 torneios ATP 250 que estão neste momento a realizar) e 24 mil dólares de prize money. O atleta natural de Guimarães segue agora para Acapulco no México, cidade onde irá disputar o ATP 250 em hardcourt de forma a preparar a participação nos Masters de Indian Wells e Miami (ATP 1000)

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s