Superbock! Fresquinha! #54

Capturar

Tudo a cair!

“Evitamos aqui uma tragédia” – as palavras que o presidente da Liga Mário Figueiredo proferiu na sala de imprensa do Estádio da Luz dizem tudo sobre o que poderia ter acontecido caso os intervenientes não tivessem optado pelo adiamento do jogo. Muito louvável foi também a decisão tomada pela SAD do Benfica quando ordenou que os stewards evacuassem as bancadas do estádio perante o abundante jorro de uma substância altamente tóxica (lã de vidro) e de algumas partes das estruturas metálicas do tecto do mesmo.

Pela imagem que acima podemos observar, caso esta placa de aço (suponho que seja aço) tivesse caído com público na correspondente bancada onde caiu, poderíamos ter presenciado pela certa uma enorme tragédia.

O incidente ocorrido no Estádio da Luz levanta-me uma série de interrogações: A UEFA tem levado a cabo nos últimos meses uma série de vistorias ao Estadio da Luz com o propósito de atestar categoricamente que a final da Liga dos Campeões desta época se vai realizar num recinto bem dotado ao nível dos critérios de qualidade e segurança. Ainda há algumas semanas atrás, uma das vistorias realizadas pelos auditores da organização sediada em Nyon (Suiça) concluíu que o relvado do Estádio da Luz deveria ser mudado o mais rapidamente possível visto que existiam muitas dúvidas quanto às condições em que este se poderia apresentar na dita final. Não crendo que as vistorias da UEFA vem a Lisboa acercar-se somente das condições apresentadas pelos balneários, pelos camarotes ou pelas instalações em que funcionam as bilheteiras do Estádio da Luz, acredito que, algum responsável também tenha requerido ao Benfica dados técnicos sobre as infraestruturas existentes de forma a alterar-se um ou outro aspecto infraestrutural do estádio que possa por em risco a qualidade do espectáculo que a final da maior competição europeia de clubes exige.

Tudo a desfazer-se!

Não importa por agora escapulizar em rigor os milhões dispendidos na construção do Estádio da Luz. Não é correcto por ora atirar as culpas para o enorme temporal que se abateu durante o dia de hoje. Importa sim perceber o desleixo que o Sport Lisboa e Benfica teve para com o seu património. O temporal que hoje se abateu sobre todo o país não serve portanto de desculpa para nada até porque, como temos vindo a assistir nos últimos dois meses, não temos vivido sob condições climatéricas diferentes. Se o Benfica não hesitou em satisfazer o pedido da UEFA no que ao relvado do seu estádio diz respeito com a mudança do mesmo, porque é que não se acercou de outros pormenores que, como vimos no final da tarde de hoje, podem por em risco a realização de um jogo e a segurança do público nele presente? Afinal de contas, todos os materiais que hoje caíram nas bancadas e no terreno de jogo, poderiam bem ter caído no próximo jogo em casa ou no início da final da Liga dos Campeões! Nessa conjectura, seria o Benfica o principal responsável pela terrível imagem dada pelo nosso país a todo o mundo.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s