Superbock! Fresquinha #36

Pode-se dizer que a vitória que o Sporting arrancou a ferros em Arouca é uma daquelas vitórias que dá titulos. Num autêntico batatal, valeu a maior crença do Sporting perante um Arouca que se bateu muito bem e saiu do jogo como um digno vencido.

Como se previa, o Arouca de Pedro Emanuel aproveitou o maior conhecimento do pesado terreno de jogo para entrar a matar e conseguir o primeiro golo da partida. Desde logo também me apercebi que o Arouca iria entrar em campo com as linhas muito subidas e com vontade de marcar nos primeiros 15 minutos, para depois, baixar as linhas e dar a iniciativa de jogo ao Sporting. Dito e feito. Com um André Claro muito inspirado no flanco esquerdo (pode-se dizer que Ivan Piris teve uns primeiros 15 minutos de terror) e sob a batuta de dois grandes organizadores de jogo (Bruno Amaro e David Simão; grande dupla de meio-campo que o treinador Pedro Emanuel tem aqui em Arouca) o Arouca conseguiu criar muitos desequilíbrios e rapidamente chegou ao primeiro golo por intermédio do antigo médio de Penafiel, Académica e Nacional num remate no centro da área resultante de uma boa combinação no flanco esquerdo.

Como se exigia, o Sporting teve que subir no terreno para tentar reagir ao golo dos arouquenses. Mérito de Pedro Emanuel, o Arouca conseguiu descodificar o tendão de aquiles do ataque do Sporting ao afectar a circulação de bola do Sporting através de uma excelente marcação a Adrien por parte de 2 jogadores. Sem a organização de Adrien, o Sporting não consegue ter nexo nas suas jogadas ofensivas. Quando Adrien teve bola, o Sporting conseguiu articular mais jogo para o último terço do terreno. Prova disso foram os dois cruzamentos venenosos que Capel efectuou à procura de Freddy Montero, um deles desarmado na hora h pelo central Diego Queiroz quando Montero se preparava para facturar. O Sporting acabaria por marcar num lance de bola parada por Rojo num cabeceamento como mandas as regras, de cima para baixo aos 25″.

A 2ª parte começou chuvosa com uma deterioração extrema do relvado. À equipa de Leonardo Jardim exigia-se que vestisse o fato macaco para levar de vencida a equipa do Arouca, bem como a prática de um futebol mais directo. Com Islam Slimani no banco, a entrada do argelino sincronizava na perfeição com as exigências do jogo. Com mais bola, o Sporting entrou decidido a vencer o jogo na 2ª parte. Entra Slimani. Dão-se as duas expulsões, justíssimas. Jogo de treinadores. Jardim arrisca com a entrada de Slimani para a saída de um desinspirado Capel. Rojo é expulso e Jardim volta a arriscar com a saída de William para a entrada de Eric Dier, deixando o Sporting em inferioridade numérica no meio-campo.  O treinador do Sporting acabou por justificar a alteração como uma necessidade de um futebol mais directo, apostando em Adrien como “lançador de jogo” para um irrequieto Slimani.Pedro Emanuel, não se contentando com o empate, também mexeu na equipa para procurar a vitória, ao colocar Lassad e Pintassilgo em campo, este último quando o Sporting já se encontrava em vantagem.  As substituições deram os seus frutos quando, primeiro, o argelino recebe na área e dá o golo a Fredy Montero num lance em que o colombiano em vez de mandar um bico na bola optou por tentar rematar em jeito contra um jogador do Arouca. Poucos minutos decorreram até ao lance em que aproveitando uma bola rechaçada por Cassio fora da pequena área, num gesto técnico elegante William picou a bola sobre a área esbarrando esta no poste da baliza defendida pelo Brasileiro. Na recarga, Slimani e Rojo, talvez não contando com aquela bola, não foram capazes de dar o toque final. O argelino provou-se um quebra cabeças para a defesa do arouca, ganhando todas as disputas, mexendo-se muito bem no último terço do terreno com e sem bola. Seria o internacional Argelino a dar a vitória ao emblema leonino numa movimentação clássica de ponta-de-lança (recepção com o peito e remate mortífero de pé esquerdo numa bola em que Cássio ainda defendeu). Mais uma vez, o argelino foi o pronto socorro de Leonardo Jardim. A opção recaída em Adrien como lançador de jogo também foi ganha. O médio conseguiu libertar-se da teia montada por Bruno Amaro e David Simão, e com bola no pé, conseguiu caudalizar bastante jogo para os homens da frente.

No final da partida, no flash-interview, tanto o treinador do Sporting como o jogador convocado (Adrien) destacaram a enorme vitória do Sporting no difícil terreno do Arouca. O médio leonino não se coibiu de deixar uma mensagem para o jornalista da Bola Joaquim Ritta na resposta ao que o jornalista tinha escrito a meio da Sporting (para ter estofo de campeão, “este sporting ainda precisa de ganhar na neve) ao afirmar que se provas se necessitavam para provar o enorme espírito de sacríficio desta equipa, tais provas foram dadas na “buracada” de Arouca.

Tudo ao Molho! –

Bruno

Certeiro e oportuno, Bruno de Carvalho acertou na mouche ao espetar uma autêntica bofetada de luva branca na estrutura do FC Porto, em particular, nas declarações proferidas pelo presidente Jorge Nuno Pinto da Costa ao afirmar: “Há poucos dias foram anunciados os filmes para os Óscares deste ano e, realmente, há pessoas que deviam ser consideradas para o prémio de melhor ator. Pessoas que têm feito no seu passado um aproveitamento das debilidades do sistema desportivo e que têm beneficiado com tantos erros e tantas situações de falta de transparência. É digno de Óscar. (…) Anda irritado pelo facto de ter de olhar para cima. Portugal tem bons árbitros, mas tem outros que, de facto, não merece, porque não fazem boas arbitragens. Não há só seres demoníacos de um lado e seres angélicos do outro. Fico contente que já se tenha percebido que os árbitros também podem ter uma má atuação. Há clubes do norte que têm beneficiado muito com muitos dos maus dias da arbitragem” 

Preto no branco. Não tenho mais nenhuma vírgula a acrescentar a estas declarações.

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s