Lendas… ou Talvez Não #2

Panduru

 

Natural de Marzanesti (89km de Bucareste) foi um dos muitos que trocou de “região” pelo simples facto de tentar fazer mossa. (In)felizmente não conseguiu mas comecemos pelo inicio.

Nascido em 70, começou a jogar pelo modesto CSM Resita onde começou a dar nas vistas, logicamente foi contratado pelo “tubarão” romeno da altura: Steaua Bucareste.

5 épocas a perfumar os campos romenos foi o suficiente para se tornar a grande contratação sonante, tal como todas aquelas que o SL Benfica fazia na altura, e marcar viagem até Lisboa onde ingressou num Benfica de Mario Wilson/Artur Jorge e que tinha alguns nomes como Preud’homme ou João Vieira Pinto.

Três anos de águia ao peito e 12 golos depois (com um passeio pelo meio a Neuchatel-Suiça), não foram suficientes para perceber que não deve trocar um rival pelo outro, ainda para mais quando não se tem qualidade para tal, sendo que quando se tem qualidade já é grave.

Foi isso mesmo que Nica Basarab Panduru fez. Trocou Benfica pelo Porto (de Fernando Santos), envolvido em mais um dos muitos «roubos» que o Norte já fez ao Sul.
Como tantos outros este é só mais um que não teve sucesso efectuando durante três anos somente 10 jogos terminando ali a sua carreira.

Dedicou-se à parte teórica do Futebol tendo o ultimo cargo sido exercido no Steua de Bucareste em 2010, como Director de Futebol.

Anúncios

One thought on “Lendas… ou Talvez Não #2

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s