Superbock! Fresquinha! #19

Tudo ao Molho! –

Descubram as diferenças entre o querer e o não quer, o poder e o conseguir e o querer e não conseguir:

Diego Capel ao Jornal Marca: “É um prazer fazer tanta gente feliz. Os nossos adeptos merecem uma alegria. A nossa massa adepta é enorme e merece uma alegria assim” – Fight and resist. Esforço, Dedicação, Devoção e Glória – Eis o Sporting.

&

Paulo Fonseca: “Não podemos alterar o passado e temos de olhar para o futuro com optimismo. Podemos construir um futuro de acordo com a ambição do FC Porto. Queríamos e podíamos ter passado, sentiamo-nos frustrados por não termos conseguido.” – ou como quem diz: “pior que esta merda é impossível e eu já estou a engolir toda a tesão com que comecei a época”

Esta cerveja enfeitiçou-me! –

Paulo Fonseca afirmou ontem que o problema da equipa é “visível” mas não afirmou o que é assim tão visível. O vísivel passou a invisível e vice-versa. O que é visível são as invenções que Paulo Fonseca promove na equipa pelas carências que tem naquele plantel desiquilibradíssimo.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s